Docentes


Coordenador

Luis Reynaldo Ferracciú Alleonimore_vert

Engenheiro Agrônomo pela Escola Superior...

Luis Reynaldo Ferracciú Alleoniclose

Engenheiro Agrônomo pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ), da Universidade de São Paulo (USP) em 1985, Mestre (1992) e Doutor (1996) em Solos e Nutrição de Plantas e Livre-Docente em Química do Solo (2000) pela ESALQ/USP, com Pós-Doutorado pela Universidade da Florida (2005/2006). Bolsista de Produtividade em Pesquisa 1B do CNPq, é Professor Titular do Departamento de Ciência do Solo e Presidente da Comissão de Cultura e Extensão Universitária da ESALQ/USP. Foi Chefe do Departamento de Ciência do Solo da ESALQ, Editor-Chefe da revista Scientia Agricola e Vice-Presidente da Associação Brasileira de Editores Científicos (ABEC). Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Química do Solo, atuando principalmente nos seguintes temas: alterações químicas do solo em função do manejo e comportamento de elementos potencialmente tóxicos no ambiente. Atua também na área de Redação Científica.



Professores


Alexandre de Sene Pintomore_vert

Possui graduação em Engenharia...

Alexandre de Sene Pintoclose

Possui graduação em Engenharia Agronômica e mestrado em Entomologia Agrícola (1995) pela Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias/Unesp (1991) e doutorado em Entomologia pela Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/USP (1999). Atualmente é professor do Centro Universitário Moura Lacerda. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Entomologia Agrícola, atuando principalmente nos seguintes temas: pragas agrícolas, controle biológico, parasitoides, biologia, ecologia e polinização.

Carlos Alexandre Costa Crusciolmore_vert

Possui Graduação em Agronomia...

Carlos Alexandre Costa Crusciolclose

Possui Graduação em Agronomia (1992) pela Faculdade de Engenharia da Universidade Estadual Paulista (UNESP) de Ilha Solteira, Mestrado (1995) e Doutorado (1998) em Agronomia (Agricultura), e Livre-Docência (2001) pela Faculdade de Ciências Agronômicas da UNESP de Botucatu (FCA/UNESP), além de Pós-Doutorado pela Universidade da Florida (2011/2012). Foi Diretor da Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais (FEPAF). Foi Coordenador do Programa de Pós-Graduação (FCA/UNESP) em Agronomia-Agricultura (Triênio: 2007-2009) e (Quadriênio: 2013-2016). Já orientou 25 alunos em nível de mestrado e 26 em nível doutorado. É Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq desde 2000. Atualmente é Professor Titular (2010) da FCA/UNESP de Botucatu, Chefe do Departamento de Produção e Melhoramento Vegetal (Biênio: 2017-2018). Membro do Conselho Editorial da European Journal of Agronomy (Revista oficial da Sociedade Europeia de Agronomia) e Membro do Integrated Crop-Livestock Systems Network of the GRA Croplands Research Group (USDA/USA). Tem experiência na área de Agricultura, com ênfase em sistemas de produção agrícola, manejo da fertilidade do solo e fisiologia aplicada, atuando principalmente nas culturas do arroz, amendoim e cana-de-açúcar, e nos temas integração lavoura-pecuária, silício na agricultura e reguladores vegetais.

Carlos Eduardo Pellegrino Cerrimore_vert

Possui graduação em Engenharia....

Carlos Eduardo Pellegrino Cerriclose

Possui graduação em Engenharia Agronomica pela Universidade de São Paulo (1997), mestrado em Solos e Nutricao de Plantas pela Universidade de São Paulo (1999), doutorado em Ciência Ambiental pela Universidade de São Paulo (2003). Atualmente é Professor Associado do Departamento de Ciência do Solo da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Universidade de São Paulo atuando principalmente nos temas relacionados a Matéria Orgânica do Solo, Aquecimento global e mudanças climáticas, agricultura e mercado de créditos de carbono, modelagem matemática, geoestatística e geoprocessamento. Bolsista de Produtiviade do CNPq e Membro Afiliado da Academia Brasileira de Ciências.

Claudio Marcelo Oliveiramore_vert

Claudio Marcelo Gonçalves de Oliveira é Eng....

Claudio Marcelo Oliveiraclose

Claudio Marcelo Gonçalves de Oliveira é Eng. Agrônomo formado pela ESALQ/USP em 1993, mestre em ciências pela mesma universidade em 1996 e concluiu o doutorado no Scottish Crop Research Institute - University of Dundee, Dundee, Escócia, em 2004. Desde 1997 é Pesquisador Científico do Instituto Biológico, no laboratório de nematologia, em Campinas, SP.

Fabio Valemore_vert

Possui graduação em Agronomia pela...

Fabio Valeclose

Possui graduação em Agronomia pela UNESP / Jaboticabal (1989), Mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela ESALQ / Universidade de São Paulo (1997), e Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela ESALQ / Universidade de São Paulo (2001). MBA em Agronegócios pela ESALQ / Universidade de São Paulo. Experiência de 26 anos nas áreas de Fertilidade do Solo, Nutrição de Plantas, e Fertilizantes e Fertilizações. Desenvolveu atividades pertinentes à pesquisa, extensão, docência e treinamentos, realizando pesquisas em laboratório, casa-de-vegetação e campo, objetivando avaliar o efeito da nutrição mineral na produtividade e qualidade de culturas de interesse agrícola. Viviência de 18 anos em empresas comerciais do agronegócio, atuando principalmente no desenvolvimento de novas tecnologias para adubação. Envolvido com tópicos referentes à fertilidade do solo, principalmente com metodologias de análises, interpretação dos resultados, e adequação de recomendações de correção do solo e de adubação, visando uma adequada nutrição mineral das culturas, focando em soja, milho, café, citros, cana-de-açúcar, algodão, feijão, além de olerícolas e fruticultura em geral. Agregou conhecimentos diferenciados em relação a fertilizantes, com grande experiência nos conceitos teóricos e práticos de produção, análises laboratoriais, controle de qualidade, e eficiência agronômica dos principais fertilizantes encontrados no mundo. Atualmente é Diretor Técnico da empresa ADUBAI CONSULTORIA, PESQUISA E PLANEJAMENTO AGRÍCOLA LTDA, trabalhando com consultor para desenvolvimento de soluções para o agronegócio. Tem experiência na área de Ciência do Solo, com ênfase em Fertilidade do Solo, Nutrição de Plantas e Fertilizantes.

Fernando Dini Andreotemore_vert

Professor Associado em Microbiologia...

Fernando Dini Andreoteclose

Professor Associado em Microbiologia do Solo na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Universidade de São Paulo. Engenheiro agrônomo e Doutor em Genética e Melhoramento de Plantas pela mesma instituição. Livre Docente em Biologia do Solo pela ESALQ/USP. Coordenador da Área de Microbiologia do Solo junto a Sociedade Brasileira de Microbiologia. Representa a International Society for Microbial Ecology (ISME) no Brasil, e é Membro Afiliado a Academia Brasileira de Ciências. Atua na área de Microbiologia do Solo e Ambiental, com enfoque em análises independentes de cultivo de comunidades microbianas. Estuda comunidades microbianas em áreas naturais, como os biomas Mata Atlântica, Caatinga e Manguezais, e em áreas de produção agrícola. Tem como objetivo principal gerar conhecimento para o desenvolvimento de uma agricultura mais produtiva e sustentável, tendo como base a biologia do solo como base de inovação.

Godofredo César Vittimore_vert

Possui graduação em Engenharia...

Godofredo César Vitticlose

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade de São Paulo (1970), mestrado em Agronomia (Produção Vegetal) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1979) e doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela Universidade de São Paulo (1983). Atualmente é professor titular da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Adubos e Adubação, atuando principalmente nos seguintes temas: nutricao, adubacao,fertilizantes,metais pesados,cana-de-açúcar, soja, citros e milho. Orientador do Grupo de Apoio a Pesquisa e Extensão (GAPE).

José Alexandre Melo Demattêmore_vert

Professor Titular Da Universidade...

José Alexandre Melo Demattêclose

Professor Titular Da Universidade de Sao Paulo, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Departamento de Ciencia do Solo, na area de Sensoriamento Remoto Aplicado a Solos (Pedologia). Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Lavras (1990), Mestrado Solos e Nutrição de Plantas-ESALQ/USP (1992) e Doutorado Solos e Nutrição de Plantas - ESALQ/USP (1995). Livre Docente 1(1999), Livre Docente 3 (2012). Pós Doutorado no INPE (1995-1998); Universidade do Arizona EUA (1998), INRA, França (1998); CSIRO, Austrália (2010); Universidade da Califórnia, Davis (2014) e Texas A&M University, College Station (2014).Professor Titular na area de Sensoriamento remoto aplicado a solos(2015). Pesquisador do CNPQ desde 1997, atualmente 1D. Professor Titular nas disciplinas Manejo e Conservação do Solo (Graduação), Sensoriamento remoto aplicado a levantamento de solos (Pós-Graduação), Geoprocessamento e Sensoriamento remoto aplicados a solos e planejamento do uso da terra (Especializacao). Lider da elaboração da Biblioteca Espectral de Solos do Brasil. Editor associado da Revista Brasileira de Ciência do Solo, Revista Brasileira de Cartografia, Geoderma Regional e Remote Sensing. Coordenador do Laboratório de Sensoriamento remoto e geoprocessamento aplicado a solos e Planejamento do Uso da Terra. Membro dos grupos de pesquisa: World Soil Spectroscopy Group; Digital Soil Mapping; Digital Soil Morphometrics; Pedometrics; Rede Brasileira de Mapeamento Digital de Solos, Levantamento e Mapeamento de solos; Agricultura de precisao; Coordenador dos Grupos: Espectroscopia de Reflectancia de solos do Brasil (CNPq) e Grupo de Pesquisa GeoCiS (Geotecnologias em Ciência do Solo). Envolvido em ensino e pesquisa no uso de geotechnologias, sensoriamento remoto, geoprocessamento, levantamento e mapeamento de solos, mapeamento digital de solos, agricultura de precisão, planejamento do uso da terra, mapeamento de solos, grupos de manejo e ambientes de produção.

José Antonio Donizete Carlosmore_vert

Engenheiro Agrônomo formado pela ESALQ/USP...

José Antonio Donizete Carlosclose

Engenheiro Agrônomo formado pela ESALQ/USP em 1982. Há 35 anos atua na área de produção e comercialização de sementes para adubação verde. É uma técnica comprovada por pesquisas, que recupera os solos degradados pelo cultivo, melhora os solos naturalmente pobres e conserva aqueles que já são produtivos. As plantas denominadas “Adubos Verdes” tem características recicladoras,  recuperadoras, protetoras, melhoradoras e condicionadoras do solo. Englobam diversas espécies vegetais, porém a preferência pelas leguminosas está consagrada também pela sua capacidade de fixar nitrogênio. O Eng. Agrônomo JAD Carlos tem-se destacado nacionalmente por suas aulas e palestras relacionadas aos campos de produção, pela tecnologia de beneficiamento e análise das sementes. A Sementes PIRAÍ está credenciada no Sistema Nacional de Sementes e Mudas do Ministério da Agricultura e Abastecimento através do Registro Nacional de Sementes e Mudas - RENASEM SP0811/2006.

José Eduardo Corámore_vert

Engenheiro Agrônomo pela ESAL...

José Eduardo Coráclose

Engenheiro Agrônomo pela ESAL Escola Superior de Agricultura de Lavras (1986), Mestre em Solos e Nutrição de Plantas pela ESAL (1991) e Ph.D. em Ciência do Solo, pela Michigan State University, EUA (1997). Pós-Doutorado na Michigan State University (2015). Trabalhou na Empresa Manah, S/A em 1987, atuando como Supervisor. Professor Titular do Departamento de Solos da Unesp ? Campus Jaboticabal, atuando na área de Física e Manejo do Solo. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq. Consultor científico de diversas agências de fomento, revistas científicas e empresas públicas e privadas. Membro da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, da Sociedade Americana de Ciência do Solo e da União Internacional de Ciência do Solo. Orientou mais de 45 graduandos (iniciação científica), 14 mestrandos e 19 doutorandos e supervisionou 1 pós-doutorando. Autor de artigos em periódicos científicos nacionais e internacionais, capítulos de livros e de diversos trabalhos publicados em anais de eventos científicos nacionais e internacionais. Coordenador de disciplina na Graduação e na Pós-graduação. Foi chefe do Departamento de Solos. Foi Supervisor da Fazenda de Ensino, Pesquisa e Extensão (FEPP) do Campus da Unesp de Jaboticabal. Foi membro dos Conselhos dos Programas de Pós-graduação em Agronomia, Produção Vegetal e Ciência do Solo. Foi Diretor da Divisão 3 - Uso e Manejo do Solo e Coordenador da Comissão 3.3 - Manejo e Conservação do Solo e da Água, da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo. É membro titular do Conselho e Vice-chefe do Departamento de Solos (Campus de Jaboticabal). É Diretor Executivo da Fundação de Apoio a Pesquisa, Ensino e Extensão - FUNEP. É Membro Titular e Vice-presidente do Conselho Curador da Fundação para o Vestibular da UNESP (VUNESP). Palestrante convidado, apresentador de trabalhos técnico-científicos e/ou participante em eventos e visitas técnicas no Brasil e no exterior. Tem experiência na área de Ciência do Solo, atuando nos seguintes temas: atributos físicos e químicos do solo e suas interações com o desempenho das culturas, compactação do solo e agricultura de precisão.

José Laércio Favarinmore_vert

Atualmente é Professor Doutor...

José Laércio Favarinclose

Engenheiro agrônomo pela Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" da Universidade de São Paulo. Mestre em Fitotecnia e Doutor em Solos e Nutrição de Plantas pela USP/ESALQ. Docente no curso de Pós-Graduação em Fitotecnia da USP/ESALQ. Linha de pesquisa: Fertilidade do solo, e nutrição de plantas em sistemas de produção de café arabica e cereais em semeadura direta.

José Lavres Juniormore_vert

Atualmente é Professor Doutor...

José Lavres Juniorclose

Atualmente é Professor Doutor, Ref. MS-3, em Regime de Dedicação Integral à Docência e Pesquisa (RDIDP), da UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - CENTRO DE ENERGIA NUCLEAR NA AGRICULTURA. Publicou 28 artigos em periódicos especializados e 58 trabalhos em certames científicos. Possui 4 capítulos de livro publicados. Possui 2 itens de produção técnica. Recebeu 2 prêmios e/ou homenagem (Menção Honrosa). Atua na área de Agronomia, com ênfase em Nutrição Mineral de Plantas. Atua como assessor "Ad hoc" de 19 periódicos. Em suas atividades profissionais interagiu com mais de 100 colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Nutrição Mineral de Plantas, atuando principalmente nos seguintes temas: avaliação do estado nutricional, macro e micronutrientes, avaliação do sistema radicular, uso de isótopos em estudos de fertilidade do solo e nutrição de plantas.

José Marques Júniormore_vert

Possui graduação em Engenharia Agronômia...

José Marques Júniorclose

Possui graduação em Engenharia Agronômia pela Escola Superior de Agricultura e Ciências de Machado (1984), mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela UFLA (1986) e doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela ESALQ-USP (1995). Realizou Pós-Doutorado na Universidade de Córdoba (Espanha) em 2008. Atualmente é Professor Adjunto (Livre-Docente) no Departamento de Solos da FCAV-UNESP, Campus de Jaboticabal, onde ingressou como docente em 1988, atuando principalmente nos seguintes temas: manejo do solo, agricultura de precisão, geoestatística, relação solo-paisagem e zona específica de manejo. É bolsista do CNPq - Produtividade em Pesquisa. Coordenador do Curso de Pós-Graduação no Programa de Ciência do Solo da FCAV-UNESP. Vice-Diretor do Núcleo Estadual São Paulo da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo. É lider do Grupo de Pesquisa: Caracterização do solo para fins de manejo específico (CSME) e atua como pesquisador de outros quatro Grupos de Pesquisa, credenciados pelo Diretório dos Grupos de Pesquisa do Brasil, no CNPq.

Jose Paulo Molinmore_vert

Engenheira Agrônoma formada pela...

Jose Paulo Molinclose

Graduado em Engenharia Agrícola pela Universidade Federal de Pelotas (1983), com mestrado em Engenharia Agrícola pela Universidade Estadual de Campinas (1991) e PhD em Engenharia Agrícola pela University of Nebraska (1996). É Professor da Universidade de São Paulo desde 1989 e preside a Associação Brasileira de Agricultura de Precisão - AsBraAP. Atua na interface entre a área de Máquinas e Implementos Agrícolas e a Agricultura de Precisão, especialmente com sensores de solo e oplantas, variabilidade espacial, mapas de produtividade, GNSS, aplicação localizada de insumos e automação em máquinas.

Kátia Goldschmidt Beltramemore_vert

Engenheira Agrônoma formada pela...

Kátia Goldschmidt Beltrameclose

Engenheira Agrônoma formada pela ESALQ/USP com mestrado em microbiologia agrícola pela mesma instituição. Atua há mais de 20 anos com compostagem de resíduo agroindustriais, industriais e comerciais em larga escala. Diretora Técnica da BIOLAND Indústria e Comércio de Composto Orgânico Ltda. de 1.997 a 2.008 e de 2.012 ao presente. Diretora Técnica de Compostagem da AMBITEC S.A. de 2.012 ao presente. Projetou, licenciou e gerenciou a primeira Unidade de Compostagem de Resíduos de Indústria do Setor de Papel e Celulose na BSC (Camaçari/BA) antiga Bahia Pulp. Assumiu diversos cargos, entre eles, Diretora Técnica de Fertilizantes Orgânicos (compostagem), Diretora Técnica de Meio Ambiente e Vice-Presidente na ABISOLO (www.abisolo.com.br), entre 2.004 e 2.014. Membro da Câmara Ambiental da Indústria da FIESP. Proferiu dezenas de palestras e aulas, em eventos diversos, no Brasil e exterior. Escreveu diversos artigos técnicos contribuindo para revistas diversas, no Brasil e exterior. É coautora no livro: “Gestão de Resíduos - Valorização e Participação” (Editado pela UNESP) e também do livro: “Gestão de Resíduos na Agricultura e Agroindústria ” (Editado pela FEPAF – Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais).

Leandro M. Gimenezmore_vert

Possui graduação em Engenharia Agronômica...

Leandro M. Gimenezclose

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade de São Paulo (2000), mestrado em Máquinas Agrícolas e Doutorado em Engenharia de Sistemas Agrícolas na mesma Universidade.Tem experiência com pesquisa em sistemas conservacionistas para a produção de grãos e fibras. Atualmente é professor no departamento de Engenharia de Biossistemas da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz". Atua com pesquisa nas áreas de Mecanização Agrícola e na caracterização e gestão da variabilidade espacial.

Marcos Vinicius Folegattimore_vert

Possui graduação em Engenharia Agronômica...

Marcos Vinicius Folegatticlose

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ) da Universidade de São Paulo (1981), mestrado em Irrigação e Drenagem - pela ESALQ (1985) e doutorado em Agronomia Solos e Nutrição de Plantas pela ESALQ (1988). Pós Doutoramento na University of Utah - Logan (1990/91), Pós Doutoramento na University of California - Davis (1992/93). Prof. Livre Docente em 1996. Professor titular da Universidade de São Paulo 2006. Tem experiência na área de Engenharia Agrícola, com ênfase em Engenharia de Água e Solo, atuando nas áreas de irrigação, evapotranspiração, manejo da água em agrossistemas e gestão da água de bacias hidrográficas em comitês de bacias. Coordenador do Programa de Pós Graduação em Irrigação e Drenagem (1994-2002), Presidente e Vice Presidente da Comissão de Pós Graduação da ESALQ (1997-2003), Prefeito do Campus "Luiz de Queiroz (1999-2006), Coordenador da Câmara Técnica de Uso e Conservação da Água no Meio Rural do Comitê de Bacias Hidrográficas dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí CBH-PCJ- CT Rural (2005-2007), Membro da CT-Rural (2005-atual), Membro da Câmara Técnica de Plano de Bacias do CBH-PCJ - CT PB (2011 - atual), Membro do Grupo de Trabalho - GT Cobrança do CBH-PCJ CT-PBl (2010 - atual), Membro do GT de Pagamentos por Serviços Ambientais - PSA do CBH-PCJ CT-Rural (2010-atual), Vice Presidente da Associação Brasileira de Engenharia Agrícola - SBEA (2005-06) e Presidente da SBEA (2007-09), Coordenador do Projeto de Intercâmbio Brasil - França BRAFAGRI- CAPES(2008-atual), Membro do Comitê de Assessoramento de Engenharia Agrícola do CNPq (2010-2012). Diretor do Polo de Ensino a Distância Semipresencial de Jaú USP-Univesp (2013-atual). Chefe do Departamento do Engenharia de Biossistemas - ESALQ/USP (2007-atual).

Miguel Coopermore_vert

Possui graduação em Engenharia Agronômica...

Miguel Cooperclose

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade de São Paulo (1993), mestrado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela Universidade de São Paulo (1996), doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela Universidade de São Paulo (1999) e livre docência (2009) pela Univerisidade de São Paulo. Atualmente é Professor Associado da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Conservação do Solo e Recuperação de Áreas Degradadas, atuando principalmente nos seguintes temas: solos, gênese de solo, micromorfologia, erosão do solo e funcionamento do solo.

Osvaldo Guedes Filhomore_vert

Doutor em Agronomia - Solos e Nutrição...

Osvaldo Guedes Filhoclose

Doutor em Agronomia - Solos e Nutrição de Plantas na ESALQ/USP (2012), com período sanduíche na Kansas State University (KSU). Mestre em Agricultura Tropical e Subtropical pelo Instituto Agronômico, IAC (2009), e graduado em Agronomia pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, UFRRJ (2006). Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Física do solo, atuando principalmente nos seguintes temas: física do solo, geoestatística, manejo e conservação do solo.

Pablo Vidal-Torradomore_vert

Possui mestrado em Solos e Nutrição...

Pablo Vidal-Torradoclose

Possui mestrado em Solos e Nutrição de Plantas pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (1989) e doutorado em Solos e Nutrição de Plantas pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (1994). Pós doutoramento em Geoquímica de Solos e Pedogênese na Universidade de Santiago de Compostela (Espanha) (1997-1999). Atualmente é professor titular da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Gênese, Morfologia e Classificação dos Solos, atuando principalmente nos seguintes temas: gênese de solos (pedogênese), relações solo-paisagem (pedologia-geomorfologia-geologia), micromorfologia de solos e mineralogia de solos.

Paulo Cesar Sentelhasmore_vert

O Prof. Sentelhas possui graduação...

Paulo Cesar Sentelhasclose

O Prof. Sentelhas possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade de Espírito Santo do Pinhal (UNIPINHAL) - Faculdade de Agronomia e Zootecnia Manoel Carlos Gonçalves (1987), mestrado em Agronomia (Agrometeorologia), 1992, e doutorado em Agronomia (Irrigação e Drenagem), 1998, ambos pela ESALQ, Universidade de São Paulo. Fez pós-doutorado na Universidade de Guelph, no Canadá, de março de 2003 a outubro de 2004, e no consórcio Universidade de Guelph - Weather Innovations Incorporated em 2008, onde atuou como pesquisador visitante. Obteve o título de Livre-Docente em Agrometeorologia junto à ESALQ/USP em dezembro de 2004. Atuou como pesquisador no IPMET/UNESP (1988-1994) e no IAC (1994-1996). Desde março de 1996 é professor da ESALQ/USP, ocupando atualmente o cargo de Professor Associado 3 da Universidade de São Paulo, e desde 2005 é Pesquisador do CNPq. Foi secretário da Sociedade Brasileira de Agrometeorologia de 1995 a 1997 e de 2001 a 2003 e seu presidente no biênio 2005-2007, quando também atuou como presidente da Federação Latinoamericana de Agrometeorologia. Atua na área de Agronomia, com ênfase em Agrometeorologia, sendo as seguintes as suas principais linhas de pesquisa: agrometeorologia operacional, agroclimatologia e planejamento agrícola, evapotranspiração e balanço hídrico, agrometeorologia e doença de plantas e uso de modelos de simulação na avaliação do risco climático na agricultura. Como docente, leciona a nível de graduação as disciplinas Meteorologia Agrícola e Agrometeorologia dos Cultivos, e a nível de pós-graduação a disciplina Agrometeorologia e Doenças de Plantas. É orientador de alunos de mestrado e doutorado do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Sistemas Agricolas, ESALQ/USP, área de concentração Agrometeorologia, e atua também na supervisão de pós-doutorandos. De 2013 a 2015 foi Editor Científico da revista Scientia Agricola, ESALQ/USP, sendo a partir de Julho de 2015 o Editor-Chefe da mesma. Atua como Editor Associado International Journal of Biometeorology (ISBM - Springer), Italian Journal of Agrometeorology (SIA, Itália), e AgriScientia (Univ. de Córdoba, Argentina). De 2005 a 2013 atuou como representante do Brasil junto ao Grupo de Especialistas em Agrometeorologia da Organização Mundial de Meteorologia (OMM-ONU). É membro da SBAgro (Sociedade Brasileira de Agrometeorologia) e da INSAM (International Society of Agricultural Meteorology). Desde 2012 é membro do Comitê Julgador do Mumm Award da OMM e desde 2014 do juri do Environmental Respect Award da DuPont.

Paulo Sérgio Pavinatomore_vert

Possui graduação em Agronomia...

Paulo Sérgio Pavinatoclose

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria (2001), mestrado em Ciência do Solo pela Universidade Federal de Santa Maria (2004) e doutorado em Agronomia/Agricultura pela Universidade Estadual Paulista - UNESP de Botucatu, SP, com ênfase em quimica e fertilidade do solo (2007). Atualmente é professor dedicação exclusiva na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - ESALQ - USP, Piracicaba - SP. A área de atuação na docência é em Fertilidade do Solo e Adubação, atuando principalmente em manejo da adubação, época de aplicação e doses de fertilizantes em sucessão de culturas.

Pedro Henrique Santin Brancalionmore_vert

Professor de Silvicultura de Espécies...

Pedro Henrique Santin Brancalionclose

Professor de Silvicultura de Espécies Nativas do Departamento de Ciências Florestais da Universidade de São Paulo, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ/USP), onde coordeno o Laboratório de Silvicultura Tropical (LASTROP). Possuo graduação em Engenharia Agronômica e Doutorado em Ciências pela ESALQ/USP. Minhas pesquisas e projetos de extensão visam desenvolver conhecimento e tecnologia para manejar e restaurar florestas nativas tropicais de forma economicamente viável e com inclusão social, tendo em vista a coexistência equilibrada dessas florestas com a agricultura e pecuária em paisagens modificadas pelo homem. Meus trabalhos científicos têm sido diretamente aplicados no Pacto pela Restauração da Mata Atlântica, bem como no desenvolvimento de políticas públicas em nível estadual e federal. Adicionalmente, tenho investigado aspectos ecológicos da regeneração de florestas tropicais nativas e em restauração, com foco em ecofisiologia de sementes, visando o entendimento das complexas estratégias adaptativas de espécies arbóreas e das implicações da degradação ambiental na perpetuação dessas espécies. Possuo projetos de pesquisa nesses temas nas mais diferentes regiões e ecossistemas do Brasil, como na Mata Atlântica de São Paulo, Espírito Santo e Bahia, no Cerrado de Mato Grosso e na Floresta Amazônia do Pará, sempre em parceria com empresas e proprietários rurais e com o apoio de agências de fomento como a FAPESP e CNPq. De forma geral, tenho buscado integrar pesquisa, prática e políticas públicas como um tripé para sustentar a restauração ecológica em larga escala para melhorar o bem estar das populações humanas e a conservação biológica em paisagens transformadas pelo homem, tentando transformar a restauração florestal em uma atividade economicamente viável de uso do solo.

Pedro Jacob Christoffoletimore_vert

Obteve sua graduação em Engenharia...

Pedro Jacob Christoffoleticlose

Obteve sua graduação em Engenharia Agronômica pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - ESALQ - Universidade de São Paulo - USP (1981), mestrado em Agronomia, área de concentração em Fitotecnia pela ESALQ - USP (1988) e doutorado em Weed Science - Colorado State Universty - CSU (1992). Atualmente é professor associado - livre docente da Universidade de São Paulo - ESALQ - Departamento de Produção Vegetal. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Matologia, atuando em ensino de graduação e pós-graduação, extensão e pesquisa, principalmente em temas relacionados a: biologia e manejo de plantas daninhas, resistência de plantas daninhas a herbicidas, manejo de plantas daninhas em culturas anuais e perenes, com ênfase nas culturas de soja, milho, algodão e cana-de-açúcar. Durante o período de agosto de 2014 a dezembro de 2016 atuou como presidente da Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas. Foi também coordenador do programa de pós-graduação em Fitotecnia da ESALQ/USP e vice presidente da Comissão de Pós-graduação da ESALQ/USP.

Peterson Ricardo Fioriomore_vert

Possui graduação em Engenharia...

Peterson Ricardo Fiorioclose

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1995), Mestrado em Agronomia (solos de Nutrição de Plantas) pela Universidade de São Paulo (1998) e Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela Universidade de São Paulo (2002). Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Sensoriamento Remoto, atuando principalmente nos seguintes temas: Sensoriamento Remoto, Topografia, Geoprocessamento, Solos, Levantamento Pedológico e Radiometria. É credenciado como orientador em nível de mestrado e de doutorado no P.P.G. em Engenharia de Sistemas Agrícolas (ESALQ).

Rafael Ottomore_vert

Professor de Adubos e Adubação do...

Rafael Ottoclose

Professor de Adubos e Adubação do Departamento de Ciência do Solo da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ/USP). Engenheiro Agrônomo, Mestre e Doutor em ciência do solo pela ESALQ/USP. Realizou estagio de doutorado na Universidade de Illinois, sob supervisão do Professor Richard L. Mulvaney. Fez pós-doutorado no CENA/USP. Orienta alunos em nível de Mestrado e Doutorado. Atualmente é tesoureiro do Núcleo Estadual São Paulo da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo (mandato 2015-2017) e orientador do GAPE (Grupo de Apoio à Pesquisa e Extensão). Minha linha de pesquisa inclui manejo de fertilizantes nitrogenados para produção de bioenergia, testes no solo para quantificar nitrogênio mineralizável e nanofertilizantes para fornecimento de micronutrientes as plantas.

Ricardo Vianimore_vert

Engenheiro Agrônomo pela Universidade...

Ricardo Vianiclose

Engenheiro Agrônomo pela Universidade Estadual de Londrina (2002) e Doutor em Biologia Vegetal pela Universidade Estadual de Campinas (2010). Tem experiência na área de ecologia e restauração florestal, com ênfase em ecologia da restauração, ecologia funcional e ecofisiologia vegetal, e em silvicultura de espécies nativas. Atua também com questões aplicadas, relacionadas ao estabelecimento e a avaliação de programas, projetos e políticas públicas de restauração e conservação florestal e de pagamento por serviços ambientais.

Valter Casarinmore_vert

Dr. Casarin nasceu em 1962 na cidade de...

Valter Casarinclose

Dr. Casarin nasceu em 1962 na cidade de Piracicaba, São Paulo. Graduou-se em Agronomia pela Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias/UNESP, Jaboticabal, em 1986 e em Engenharia Florestal pela Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/USP, Piracicaba, em 1994. Concluiu o mestrado em Solos e Nutrição de Plantas em 1994, na Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz". Recebeu o título de Doutor em Ciência do Solo pela École Supérieure Agronomique de Montpellier, França, em 1999. Foi professor nos cursos de Agronomia e Engenharia Florestal na Universidade de Taubaté e Faculdade de Agronomia e Engenharia Florestal de Garça. Trabalhou como consultor técnico na área agrícola e florestal, coordenando o desenvolvimento de pesquisa e novos produtos para empresas do setor de fertilizantes. Colabora como professor dos cursos de especialização em Manejo do Solo, na Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/USP, e em Manejo e Fertilidade do Solo do Cerrado, no Centro Universitário de Patos de Minas (UNIPAM). Atualmente é diretor adjunto do International Plant Nutrition Institute (IPNI), Programa Brasil.